Estado de São Paulo supera marca de 50 milhões de doses de vacina contra Covid

·2 minuto de leitura
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16.06.2021 - A Prefeitura de São Paulo inicia hoje a vacinação de quem tem 56 anos ou mais. A previsão e que comece também a vacinação de quem tem 50 anos, como prevê o calendário do estado de SP. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 16.06.2021 - A Prefeitura de São Paulo inicia hoje a vacinação de quem tem 56 anos ou mais. A previsão e que comece também a vacinação de quem tem 50 anos, como prevê o calendário do estado de SP. (Foto: Rivaldo Gomes/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O estado de São Paulo ultrapassou a marca de 50 milhões de doses de vacina contra a Covid-19. Por volta das 10h desta segunda-feira (30), o Vacinômetro, plataforma disponibilizada pelo governo João Doria (PSDB) marcou 50.018.998 doses aplicadas desde 17 de janeiro.

"Considerando somente os adultos, a proporção de pessoas que recebeu pelo menos uma dose deve chegar a 98% hoje [segunda]", diz a Secretaria Estadual da Saúde, em nota. "Mais de 47% das pessoas com 18 anos ou mais já completou o esquema vacinal" afirma trecho do texto.

Entre o total absoluto de vacinas aplicadas até a manhã desta segunda-feira, 33,2 milhões são referentes à primeira dose, 15,6 milhões de segunda e 1,1 milhão de dose única (Janssen).

A partir do próximo dia 6, São Paulo começa a vacinar pessoas a partir de 60 anos com a terceira dose da vacina contra o novo coronavírus. O calendário ainda não foi divulgado.

Segundo o governo estadual, Botucatu (328 km de SP) é o município com maior percentual de vacinas aplicadas (140,43%). O município passou por um processo de vacinação em massa com o imunizante da AstraAzeneca, que teve a segunda dose aplicada em cerca de 62 mil pessoas no início do mês.

Polôni (487 km de SP), Descalvado (243 km de SP), Turmalina (597 km de SP) e Ocauçu (427) km de SP) vêm a seguir, com cerca de 117% de vacinação. Ao todo, 22 cidades aparecem com mais de 100% de pessoas vacinadas, segundo o governo estadual.

A cidade de São Paulo também diz ter vacinado mais de 100% da população adulta. Segundo o Vacinômetro da Secretaria Municipal da Saúde, até este domingo (29), a capital paulista havia aplicado 14.1 milhões de vacinas, sendo que 9,3 milhões para primeira dose, 4,5 milhões para segunda e 320 mil de doses únicas.

Nesta segunda-feira começou a vacinação de adolescentes de 15 a 17 anos, sem comorbidades.

Na capital paulista, adolescentes de 12 a 14 anos com qualquer comorbidade, como miopia, pode ser vacinado contra o novo coronavírus antes da abertura para todos dessa faixa de idade.

Os adolescentes só podem ser vacinados se estiverem acompanhados dos pais. É preciso levar comprovante de endereço. A única vacina aprovada pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para adolescentes é a da Pfizer.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos