“Estão procurando isso?”: menina ‘entrega’ pai e tio e revela esquema de tráfico

Menina ajudou policiais em Campo Grande - Foto: Getty Images
Menina ajudou policiais em Campo Grande - Foto: Getty Images
  • Uma menina de 4 anos ajudou a polícia de Campo Grande a desarticular um esquema de tráfico de drogas

  • Durante abordagem da Polícia Civil, ela contou aos agentes que estava com drogas escondidas na roupa

  • O tio da criança, então, confessou que é um dos responsáveis pelo tráfico na região

A polícia de Mato Grosso do Sul contou com uma ajuda inesperada para desarticular um esquema de tráfico de drogas em Campo Grande. Uma menina de 4 anos serviu como “informante” da corporação na última segunda-feira (20).

Segundo informações do G1, a garota revelou que escondia um embrulho com drogas na própria roupa durante uma abordagem da Polícia Civil no carro onde ela estava com o pai e o tio.

O veículo foi parado pelos agentes, que interrogavam o homem e seu irmão. Em determinado momento, a menina virou para os policiais, entregou um pacote e perguntou: “Vocês estão procurando isso, tio?”.

Dentro do embrulho, estava uma pedra de pasta base de cocaína embalada em plástico filme. No carro, os agentes encontraram, também, um papelote de substância análoga à cocaína.

Tio confessa envolvimento com tráfico

A polícia já suspeitava que os dois homens no veículo pudessem ter envolvimento com tráfico, uma vez que haviam acabado de deixar uma casa considerada suspeita pela corporação.

Após o episódio com a sobrinha, o tio confessou aos agentes que havia escondido a droga na roupa da criança e que era um dos responsáveis pelo tráfico na região, abastecendo bocas de fumo.

O rapaz explicou, ainda, que pediu carona ao irmão porque estava sem carro e que escondia drogas atrás da televisão da própria residência.

Os policiais foram ao local e encontraram, além dos entorpecentes, uma balança de precisão e um rolo de plástico filme.

O tio e o pai da garota foram presos em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e tráfico de drogas qualificado pelo envolvimento de crianças ou adolescentes.

Já a menina foi levada pela polícia de volta para casa, onde foi entregue à mãe.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos