Estudante de medicina, colecionador: quem é o homem que matou a ex e o filho em SP

Estudante de medicina matou a ex e o filho - Foto: Reprodução/Câmera de Segurança
Estudante de medicina matou a ex e o filho - Foto: Reprodução/Câmera de Segurança
  • Estudante de medicina e colecionador de armas, Ezequiel matou a ex-esposa e o filho

  • Ele foi preso na última segunda-feira, após disparar contra as vítimas em São Paulo

  • O rapaz possuía histórico de violência contra a ex, que o acusava de três homicídios

Ezequiel Lemos Ramos, de 39 anos, foi preso na tarde da última segunda-feira (12), em São Paulo, após assassinar a ex-esposa e o filho caçula em frente a uma escola na Zona Leste da capital paulista.

De acordo com informações do g1, o criminoso é estudante de Medicina e está no quarto ano do curso. Ele viveu por cinco anos em Ponta Porã, Mato Grosso do Sul, cidade que faz divisa com Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia onde o rapaz estudava.

Ezequiel também tinha certificado de colecionador de armas, atirador desportivo e caçador (CAC). Ele possuía documentos que o autorizavam a ter um fuzil, uma pistola e uma espingarda.

Agressivo, o homem já tinha histórico de violência contra a ex, Michelli Nicolich, de 37 anos, assassinada na segunda.

Ele chegou a ser preso em Ponta Porã no último mês de maio, após agredi-la com um soco e apontar uma arma para a cabeça dela em meio a uma discussão.

“Vou ficar longe de você para não dar um tiro na sua cara, para eu não ser preso. Assim é fácil morrer, não preciso pagar pistoleiro, eu mesmo faço”, teria dito naquele dia.

Após descobrir que a vítima havia procurado a polícia, o suspeito voltou a ameaçá-la.  “Você é louca de fazer BO. Se você abrir a boca e fizer BO, você vai ver."

Ainda segundo Michelli, Ezequiel teria assassinado três pessoas. Porém, não foram encontradas provas de nenhum dos crimes.

Entenda o crime

Ezequiel matou Michelli e o filho de 2 anos do casal em frente à escola em que a criança estudava, na Zona Leste de São Paulo.

Uma câmera de segurança na Avenida Rodolfo Pirani, no Parque São Rafael, registrou em imagens o momento em que Ezequiel Lemos Ramos perseguiu e atirou repetidas vezes no Fiat Uno branco em que estavam Michelli Nicolich, de 37 anos, e os dois filhos do casal, de 2 e 5 anos.

Após ser baleada, a mulher perdeu o controle do veículo e chocou-se contra um poste. Ezequiel seguiu o veículo a pé, aproximou-se e disparou novamente.

Uma testemunha relatou que o suspeito armou uma emboscada para Michelli. Ele estava em seu carro, um Fiat Mobi cinza, e ficou esperando a ex-esposa aparecer para buscar as crianças na escola O Rei Leão.

Com os dois filhos já no carro, quando preparava para deixar o local, a mulher foi baleada. Os tiros atingiram também a criança mais nova. Ambos foram resgatados e levados a um hospital da região, mas não resistiram. O filho mais velho não foi baleado e sobreviveu.