Estudante de Direito é atropelado e morre em frente a universidade no Rio

MARTHA ALVES

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Um aluno do primeiro ano do curso de Direito da PUC- Rio (Pontifícia Universidade Católica) morreu após ser atropelado por um ônibus, na zona sul da cidade, no final da tarde desta sexta-feira (24).

O acidente que matou Bruno Queiroz, 18, ocorreu em frente ao campus da universidade na rua Marquês de São Vicente. Ele estava na calçada, se desequilibrou e caiu na rua, segundo o funcionário de uma padaria que fica em frente à universidade.

O motorista de um ônibus, que seguia no sentido Rocinha, não conseguiu parar e atropelou o estudante. Ele morreu no local.

O DCE (Diretório Central dos Estudantes) da PUC-Rio postou um comunicado nas redes sociais informando a morte do estudante. Na mensagem, eles pediram aos alunos da universidade para não compartilharem boatos e fotos do jovem morto.

O caso será investigado pela DH (Divisão de Homicídios).

AMIGOS

Ex-professores e amigos do estudante trocaram as suas fotos de perfil no Facebook pela palavra Luto e postaram mensagens em sua homenagem.

Pedro Wagner Aloan postou, além da palavra luto, a mensagem na rede social: "Vai com Deus meu irmão. O céu ganhou uma estrela hoje".

O estudante de comunicação Lucas Malafaia escreveu "o botafoguense mais chato que conheci em minha vida virou estrela, mas dessa vez não é solitária, estamos todos com você, Bruno".

Ian Cruz, amigo de Bruno, escreveu: "Simplesmente ninguém merecia... Vai com deus irmão!!!!"