Estudantes de universidades estaduais poderão estagiar na rede pública de educação

O governador do Estado do Rio Cláudio Castro sancionou a lei que cria o programa de estágio na rede pública de educação para estudantes de instituições estaduais de ensino superior. Com isso, estudantes de cursos de Pedagogia, Psicologia e Serviço Social poderão atuar, como estagiários, nas escolas de educação básica da Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) ou na Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec).

O estágio será realizado em articulação com equipes multidisciplinares, e mediante supervisão do Professor de Atendimento Educacional Especializado. O estagiário deve ter o trabalho focado em atender os alunos com necessidades especiais.

— Público e notório é a ineficiência do poder público para garantir que alunos com deficiência consigam acompanhar a turma e, principalmente, que o professor sozinho consiga ensinar o conteúdo para a turma e dar a atenção especial que o aluno com deficiência merece — afirma Samuel Malafaia, deputado do PL.

O projeto, aprovado anteriormente na Alerj, é de autoria de Samuel Malafaia e de Waldeck Carneiro (PSB).