Estudo da Fiocruz comprova a eficácia das máscaras de pano e das cirúrgicas para impedir a transmissão do coronavírus

·2 minuto de leitura

A confirmação de mais casos de infecção pela variante Delta do novo coronavírus no Brasil é um alerta de que a pandemia ainda não está sob controle no país e de que o respeito às regras sanitárias de prevenção à Covid-19 continua sendo fundamental. Uma das principais medidas não farmacológicas indicadas para evitar a transmissão do Sars-CoV-2, o uso de máscaras teve mais uma vez a sua eficácia comprovada, agora por um estudo divulgado nesta terça-feira (6) pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que testou o grau de eficiência tanto das de pano como das cirúrgicas.

“Análises com esses itens de proteção usados por pessoas infectadas identificaram a presença do patógeno (Sars-CoV-2, o vírus causador da Covid-19) apenas na parte interna (das máscaras), sugerindo bloqueio da transmissão. O resultado foi verificado tanto nas máscaras cirúrgicas como nos modelos de pano com duas ou três camadas. Considerando a importância do compartilhamento rápido de informações para o enfrentamento da pandemia, os achados foram publicados na plataforma de pré-print medrxiv”, explica um texto publicado no site da Fiocruz.

A pesquisa analisou 30 máscaras de pano (feitas com tecido de algodão e com dupla ou tripla camada) e 15 cirúrgicas. Elas foram utilizadas num período de duas a três horas por pacientes infectados. Os cientistas recortaram fragmentos perto do nariz e da boca, assim como das laterais da máscara, para verificar a presença do coronavírus. “Em todos os casos, a camada externa foi negativa para o Sars-CoV-2, indicando bloqueio da passagem do vírus”, afirmou o doutorando do Programa de Pós-Graduação em Medicina Tropical do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) e primeiro autor do artigo, Vinicius Mello.

Chefe do Laboratório de Hantaviroses e Rickettsioses do IOC e uma das coordenadoras da pesquisa, Elba Lemos destacou que o resultado “reforça a importância do uso da máscara. Seja cirúrgica ou de pano, ela vai contribuir para impedir que uma pessoa infectada contamine outras pessoas ou o ambiente”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos