"Eu, Christiane F., 13 anos, Drogada e Prostituída” retorna aos cinemas após 40 anos

Natja Brunckhorst é a protagonista de
Natja Brunckhorst é a protagonista de "Eu, Christiane F., 13 anos, Drogada e Prostituída”. (Foto: Divulgação/A2)

Em comemoração aos 40 anos do lançamento de "Eu, Christiane F., 13 Anos, Drogada e Prostituída", o polêmico drama alemão voltará aos cinemas brasileiros. As exibições especiais contarão com toda a obra remasterizada e estará em cartaz no próximo domingo (24).

A exibição única do filme, que é inspirado no livro de Kai Hermann e Horst Rieck, acontecerá no Petra Belas Artes, localizado na Rua da Consolação, 2423, com sessão às 14h, em São Paulo. Os ingressos custam R$ 60 (inteira) e podem ser adquiridos na bilheteria presencial ou no site oficial do cinema.

O longa é dirigido por Uli Edel ("Noites Violentas no Brooklyn" e "Corpo em Evidência") e a trama é situada nos anos de 1970, em Berlim. A ideia é tornar mais vívida a experiência de acompanhar a história de Christiane F., uma adolescente que se torna viciada em heroína. Sua vida começa a distorcer e lentamente desaparece à medida que passa a frequentar alguns clubes e se torna amiga de um pequeno grupo de viciados, se apaixonando e se perdendo no mundo das drogas.

“Christiane é uma garota de 14 anos que vive em Berlim, Alemanha, em meados dos anos 1970. Ela começa a ir a um clube chamado "Sound" com sua amiga mais velha Kessi. Ela logo faz novos amigos, a maioria dos quais são viciados em drogas, e se apaixona por um garoto chamado Detlev, que também é viciado em drogas e se prostitui”, diz a sinopse oficial. “Christiane começa a tomar pílulas para se encaixar e depois começa a tomar heroína. Sua vida começa a desmoronar quando ela se torna uma viciada em heroína e vê o mesmo acontecendo com seus amigos”.

O elenco conta com Natja Brunckhorst, Thomas Haustein, Jens Kuphal e Christiane Reichelt. O músico David Bowie ("Labirinto, a Magia do Tempo" e "O Grande Truque") também é uma das estrelas de "Eu, Christiane F., 13 Anos, Drogada e Prostituída" e será homenageado na sessão. Uma banda levará instrumentos e microfones para dentro da sala, tocando ao vivo os sucessos que integram a narrativa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos