“Eu falo sobre sexo como as pessoas falam sobre economia", diz coach à TV Brasil

Da Agência Brasil

A fisioterapeuta e especialista em sexualidade feminina Cátia Damasceno concede entrevista a Roseann Kennedy  TV Brasil 

A fisioterapeuta Cátia Damasceno, especialista em sexualidade feminina e uroginecologia e idealizadora do Programa Mulheres Bem Resolvidas, é a entrevistada de hoje (23) do Conversa com Roseann Kennedy, na TV Brasil.

Há quatro anos, ela dá aulas pela internet para ajudar a melhorar relacionamentos e a autoestima de mulheres do mundo todo. Com bom humor, ela esclarece dúvidas e fala sobre temas considerados tabu em seu canal do YouTube que tem mais de 800 mil inscritos. Alguns vídeos tem mais de 55 milhões de visualizações. Já no Facebook, são mais de 1,3 milhão de seguidores.

Filha de militar, Cátia casou com o primeiro namorado e teve filhos. Com o fim de seu relacionamento, ela conta que se viu perdida. Investiu em seu trabalho de fisioterapia uroginecológica com mulheres gestantes para ajudá-las no parto normal e no enfrentamento de cólicas. Surpreendida pelo relato de uma mulher que disse ter melhorado a vida sexual depois de frequentar seu curso, resolveu empreender. “Por que não fazer disso uma profissão?”

Em relação às gerações mais novas, Cátia avalia que os pais não podem terceirizar a educação sexual dos filhos e revela que é muito procurada por adolescentes perguntando sobre a primeira vez. “Eu tenho um cuidado muito grande de não incentivar. Porque uma coisa é você esclarecer e outra coisa é você incentivar o adolescente. A minha linguagem é para o público adulto exatamente para não ficar essa coisa de incentivo. Mas eu já tenho um público adolescente que me acompanha”.

Ela diz que ainda hoje várias pessoas namoram e se casam cheias de dúvidas e dificuldades. Muitas delas não tem com quem conversar e por isso acredita que o seu trabalho cresceu tantos nos últimos anos. “Eu falo sobre sexualidade da mesma forma como as pessoas conversam sobre economia, sobre finanças, sobre marketing, sobre qualquer outro assunto, eu trato da mesma maneira. Por que tem que ser um tabu? Por que tem que ser proibido? Por que tem que ser errado? Por que tem que ser pecado?” E esclarece: “A naturalidade com a qual eu converso sobre esse assunto é o que traz o público”.

Para Cátia, um dos grandes segredos é trabalhar a reciprocidade nas relações. “Casamento e relacionamento, para mim, é a arte de fazer acordos. Acordos que devem ser cumpridos por ambas as partes”.

Quando o assunto é divisão de tarefas, Cátia Damasceno faz um alerta às mulheres: “Deixe o homem também fazer a parte dele. Muitas vezes as mulheres cobram isso, dizendo: -'Ah, mas ele vai fazer errado... Ah, mas ele escolheu a roupa da criança e o menino ficou desigual...' Deixe o outro participar, porque se ele nunca fizer errado ele nunca vai aprender a fazer o certo. E aí a mulher se sobrecarrega porque não sabe delegar”.

A entrevista com a coach e especialista em sexualidade feminina e pompoarismo vai ao ar nesta segunda-feira (23), às 21h30, na TV Brasil.