EUA: 1ª tempestade de neve de 2022 fecha escolas e cancela voos em Washington

·2 min de leitura

Depois de uma semana de férias de fim de ano repleta de cancelamentos de voos e um pico recorde de casos de Covid-19 nos Estados Unidos, uma forte tempestade de inverno afetou o transporte nesta segunda-feira (3) e forçou o fechamento de escolas e serviços federais em Washington e na costa do Atlântico.

Muitos norte-americanos correram para voltar para casa após o período de Natal e Ano Novo, uma semana em que milhares de voos foram cancelados devido ao mau tempo e que muitos casos de Covid-19 foram registrados em tripulações de companhias aéreas.

Neste primeiro dia útil do ano, cerca de 3,5 mil voos já haviam sido cancelados, sendo 2 mil com partida ou chegada nos Estados Unidos, segundo o site de rastreamento de voos FlightAware.

Junto com os 2.700 voos que pararam no domingo e os 2.750 do sábado, os últimos cancelamentos agravaram ainda mais a situação para os viajantes. "Ei, @SouthwestAir, você pode parar de cancelar todos os voos saindo de DCA (Aeroporto Nacional de Washington)? Preciso ir para casa", escreveu o passageiro Kyle Hughes no Twitter.

Quase 25 centímetros de neve em Washington

As novas interrupções se multiplicaram quando uma tempestade de neve atingiu nesta segunda-feira a capital e outras áreas da costa atlântica. De acordo com as previsões oficiais, a tempestade deixará entre 12,7 e 25,4 centímetros de neve em Washington.

“A neve forte e ventos fortes podem trazer condições de viagem perigosas e quedas de energia esparsas”, advertiu o Serviço Meteorológico Nacional dos Estados Unidos.

(Com AFP)


Leia mais

Leia também:
Moradores de Paris "esquiam" nas ruas na primeira queda de neve do ano
Região parisiense registra quase 300 km de engarrafamento devido à neve
Depois de Holanda e Alemanha, França se prepara para tempestade de neve

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos