EUA anunciam nova ajuda militar à Ucrânia

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Biden pressiona o Congresso a autorizar um pacote maciço de US$ 33 bilhões para a Ucrânia (AFP/OLIVIER DOULIERY) (OLIVIER DOULIERY)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou nesta sexta-feira US$ 150 milhões em ajuda militar adicional à Ucrânia para lutar contra a invasão russa.

“Anuncio outro pacote de assistência à segurança, que irá proporcionar munição de artilharia, radares e outros equipamentos adicionais à Ucrânia”, disse Biden, advertindo que os fundos estavam prestes a se esgotar, e pediu ao Congresso que autorize novos.

O governo Biden já havia enviado mais de US$ 3,4 bilhões em armamentos, de artilharia pesada até mísseis antiaéreos Stinger e drones. O novo pacote desta sexta-feira significa que os restantes US$ 250 milhões em fundos disponíveis previamente autorizados para a Ucrânia terão quase esgotado.

Biden pressiona o Congresso a autorizar um pacote maciço de US$ 33 bilhões para a Ucrânia, que incluiria US$ 20 bilhões em assistência militar e duraria cinco meses.

fff/rle/erl/gm/ad/dl/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos