EUA aprova nova ajuda militar à Ucrânia, incluindo lança-foguetes

Os Estados Unidos aprovaram, nesta sexta-feira (22), um novo pacote de ajuda militar à Ucrânia no valor de US$ 270 milhões, incluindo quatro sistemas de lançamento de foguetes de precisão Himars.

A Rússia "lançou ataques mortais em todo o país, acertando centros comerciais e prédios de apartamentos, matando civis ucranianos inocentes", disse à imprensa o porta-voz da Casa Branca, John Kirby.

"Diante dessas atrocidades, o presidente [John Biden] deixou claro que vamos seguir apoiando o governo da Ucrânia e seu povo durante o tempo que for necessário", declarou.

A nova ajuda elevará a 20 o número de sistemas de foguetes de artilharia de alta mobilidade M142 enviados à Ucrânia, que indicou que os Himars, que podem atacar com precisão alvos em um raio de 80 quilômetros, já permitiram sucessos militares contra a Rússia.

O pacote inclui também até 500 Phoenix Ghost, drones pequenos e portáteis que detonam sobre seus alvos, assim como 36 mil cartuchos de munição de artilharia.

Grande parte dessa ajuda, ainda que não toda, vem de um pacote de US$ 40 bilhões aprovado para a Ucrânia pelo Congresso em maio.

O ministro de Defesa da Ucrânia, Oleksiy Reznikov, manifestou no início da semana sua esperança de que os Estados Unidos forneçam até 100 unidades Himars, dizendo que poderiam mudar o rumo da guerra a favor de seu país.

sct/bgs/dg/yow/ic/am

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos