EUA avaliam lista final de convidados para Cúpula das Américas, dizem autoridades

Bandeiras dos EUA e de Cuba do lado de fora de hotel em Havana

Por Daina Beth Solomon e Matt Spetalnick

CIDADE DO MÉXICO/WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos ainda estão elaborando a lista final de convidados para a Cúpula das Américas em Los Angeles na próxima semana, disseram autoridades norte-americanas nesta quarta-feira, após semanas de tensões em torno de diversos países que devem ser excluídos.

As preparações para a cúpula foram ofuscadas pela ameaça de um boicote de alguns líderes regionais, como o presidente mexicano, Andrés Manuel López Obrador, caso Cuba, Venezuela e Nicarágua não sejam convidadas.

“Ainda temos algumas considerações finais, mas acho que informaremos o público em breve”, disse o assessor de América Latina da Casa Branca, Juan González, em uma ligação com repórteres.

López Obrador, que recebeu o convite ba semana passada, ainda não respondeu se comparecerá.

González disse que o governo do presidente Joe Biden conversa com o México sobre a insistência de López Obrador para que Cuba participe da cúpula.

Autoridades dos EUA estão considerando convidar um representante cubano de baixo escalão, em uma tentativa de acalmar López Obrador e outros líderes, segundo duas fontes em Washington.

(Reportagem de Daina Beth Solomon, na Cidade do México, e Matt Spetalnick, em Washington; reportagem adicional de Katharine Jackson)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos