EUA: Joe Biden testa positivo para Covid-19, sintomas são leves

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
REUTERS - JONATHAN ERNST
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, de 79 anos, testou positivo para a Covid-19 nesta quinta-feira (21) e apresenta "sintomas muito leves" da doença, de acordo com um comunicado de sua porta-voz, Karine Jean-Pierre. O democrata nunca havia testado positivo antes e "começou a tomar Paxlovid", a pílula anti-Covid da Pfizer. Biden vai se isolar na Casa Branca até que teste negativo, ela informou.

Vacinado e com duas doses de reforço, o chefe de Estado americano “continuará exercendo todas as suas funções” durante este período, completa o comunicado de imprensa. “Ele entrou em contato com membros da equipe da Casa Branca por telefone esta manhã e participará das reuniões marcadas por telefone e Zoom” de seus aposentos particulares, acrescentou Karine Jean-Rock

O último teste negativo do chefe de Estado americano, que na semana passada visitou Israel e Arábia Saudita, data de terça-feira (19), relatou a porta-voz. "Por uma questão de maior transparência", a Casa Branca prometeu comunicar "todos os dias" o estado de saúde de Biden. Um exame médico em novembro passado o considerou "robusto" e "apto" para desempenhar suas funções de presidente.

"Estou muito bem, obrigada por sua preocupação", assegurou o próprio Joe Biden em uma mensagem no Twitter, nesta quinta-feira, após testar positivo para Covid-19. Ele acrescentou que estava "ocupado", em uma mensagem acompanhada de uma foto em que aparece de terno e camisa, sentado em uma mesa da Casa Branca com uma caneta na mão e seus smartphones colocados a sua frente.

Biden, que quer fazer campanha antes das eleições legislativas de novembro, inicialmente havia planejado uma viagem à Pensilvânia nesta quinta-feira e outra à Flórida, na próxima segunda (25).

Os Estados Unidos registram atualmente 130 mil novos casos de Covid-19 por dia, um número subestimado de acordo com especialistas. O número de internações hospitalares também está aumentando. A subvariante BA.5 da Omicron, altamente contagiosa, é dominante no país, respondendo por cerca de 80% dos casos.

Antiviral

O remédio Paxlovid, que Joe Biden está tomando, é um tratamento antiviral que funciona reduzindo a capacidade do vírus de se replicar, retardando a progressão da doença. A substância deve ser tomada nos primeiros dias após o aparecimento dos sintomas. Nos Estados Unidos, o medicamento é recomendado para pessoas em risco de desenvolver um caso grave da doença, categoria em que o presidente americano se enquadra devido à idade.

O antecessor de Biden na Casa Branca, o republicano Donald Trump, anunciou em 2 de outubro de 2020 no Twitter que havia testado positivo para o Covid-19. À época, Trump foi transportado de helicóptero da Casa Branca para o hospital militar Walter Reed, onde foi tratado por três noites.

(Com informações da AFP)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos