EUA: Suprema Corte pode reverter direito constitucional ao aborto

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden pediu, nesta terça-feira, para defender o direito ao aborto nos Estados Unidos, após o vazamento explosivo de um rascunho da decisão da Suprema Corte para eliminá-lo, o que define o assunto como central nas eleições legislativas de novembro. Do lado de fora da maior instância do poder judiciário americano, manifestantes pró e antiaborto protestaram.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos