União Europeia e Estados Unidos reagem à vitória de Lula no Brasil

União Europeia e Estados Unidos reagem à vitória de Lula no Brasil

O regresso de Lula da Silva à presidência do Brasil suscitou reações de várias partes do mundo.

O chefe da diplomacia europeia, Josep Borrell, elogiou as eleições no Brasil e afirma esperar avançar nas relações entre a União Europeia e o Brasil.

O primeiro-ministro português, António Costa, contou-se entre os primeiros chefes de estado a dar os parabéns a Lula pela vitória alcançada.

Reação igualmente do primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez que espera vir a trabalhar com o novo governo em prol da justiça social, igualdade e clima.

Já o presidente francês , Emmanuel Macron, afirma que a vitória de Lula abre uma nova página na história do Brasil prometendo o reforço das relações entre os dois países.

A Casa Branca reagiu igualmente elogiando a forma como as eleições correram no Brasil esperando agora continuar a cooperação entre os dois países.

Onze anos depois de ocupar o cargo, Lula da Silva venceu o escrutíneo com 50,9% dos votos contra 49,1% de Jair Bolsonaro.

Lula da Silva toma posse no dia 1 de janeiro de 2023.