Europa tem queda no número de casos de covid-19 mas aumento nas mortes

·1 minuto de leitura
(Arquivo) O diretor geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus
(Arquivo) O diretor geral da Organização Mundial da Saúde, Tedros Adhanom Ghebreyesus

O número de novos casos de covid-19 na Europa caiu na semana passada pela primeira vez em três meses, mas o número de mortes continua aumentando no continente, anunciou nesta quarta-feira a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em todo o mundo foram registrados quatro milhões de novos casos na semana encerrada no domingo (15) e quase 60.000 pessoas morreram devido à doença no mesmo período, de acordo com a organização.

A Europa, com 15 milhões de casos desde o início da pandemia em dezembro de 2019, continua sendo a região mais afetada. Na semana passada registrou 46% dos novos casos do planeta e 49% das mortes.

Na semana passada, a Europa registrou 1,84 milhão de novos casos e, apesar do número muito elevado, a OMS destaca que "pela primeira vez em três meses a região teve um retrocesso de 10% dos casos semanais".

Porém, ao mesmo tempo, 29.000 mortes provocadas pela covid-19 aconteceram no mesmo período na Europa, 18% a mais que na semana anterior.

A América permanece como a segunda região mais afetada. Na semana passada, o número de novos casos aumentou 40%, com mais 1,45 milhão de contagiado, e a quantidade de mortes no período cresceu 11%, a 19.100.

Mais de um milhão dos novos casos foram registrados nos Estados Unidos, país que supera 11 milhões de infectados desde o início da pandemia.

A única região que registra queda nos números de novos casos e mortes é o sudeste asiático, segundo a OMS.

A pandemia do novo coronavírus provocou mais de 1,3 milhão de mortes no mundo desde o surgimento da doença em dezembro. Mais de 55 milhões de pessoas contraíram a doença desde então.

nl/gd/me/zm/fp