Exército russo ataca com mísseis escola em Donetsk

A Polícia Nacional da Ucrânia divulgou imagens do momento em que vários mísseis russos atingem uma escola, na cidade de Bakhmut, em Donetsk.

O edifício ficou completamente destruído. As autoridades locais dizem que não estava ninguém no local no momento do ataque.

Depois de conquistar a região de Luhansk no início deste mês, a Rússia tem apostado na região de Donetsk e com uma estratégia diferente: Ataques esporádicos e bombardeamentos em várias zonas da região.

"Os moradores criaram condições de vida confortáveis e agora o inimigo está a destruir tudo"

Putin tem divulgado várias imagens do exército russo com equipamentos militares novos. Esta semana, o Ministério da Defesa da Rússia partilhou mais imagens, que mostram os militares a agir, em território ucraniano.

Em Kharkiv, a cidade de Chihuiv foi atingida por 12 mísseis nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira. Ainda não se sabe ao certo o número de vítimas mas alguns edifícios residenciais ficaram completamente destruídos.

A autarca de Chuhuiv diz ser difícil descrever o que aconteceu à cidade. "Os moradores criaram condições de vida confortáveis e agora o inimigo está a destruir tudo", admite Galina Minayeva.

Kharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia, é considerada um dos próximos alvos de Vladimir Putin. Kiev não acredita, no entanto, que Moscovo tenha homens e equipamento militar suficientes para tomar a cidade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos