Ex-BBB revela que contrato de A Fazenda exige barracos: "Não me submeto"

·1 minuto de leitura
Angélica Ramos no No Limite (Reprodução Globoplay)
Angélica Ramos no No Limite (Reprodução Globoplay)

Ex-'BBB' e 'No Limite 5', Angélica Ramos revelou que chegou a ser cotada para o elenco de 'A Fazenda 13' mas foi obrigada a negar o convite por questões ideológicas. A ex-BBB expôs que a Record colocou como requisito indispensável a criação de barracos e polêmicas dentro da casa, e que não aceitou ser colocada como uma potencial vilã.

"A informação que chegou até mim através de meu assessor foi essa. O que ele me passou foi que me procuraram, sim. Íamos marcar a entrevista e tudo mais. Mas teve o bate-papo inicial [entre a Record e sua assessoria] para falar o que queriam, e o que me passaram foi que eles, realmente, me queriam em 'A Fazenda 13'. Porém, queriam muito barraco. Queriam garantir que ia ter barraco, confusão e dedo na cara", afirmou para o Notícias da TV.

Leia também

Angélica, que saiu do BBB como vilã, explicou que não quer fazer parte de nenhuma narrativa que coloque a mulher negra como barraqueira como forma de entretenimento. "Declinei, podia ser um milhão o cachê, estou fora. Fui muito clara, informei para o meu assessor que não quero que as pessoas comecem a colocar a mulher preta nessa situação. Levei o título de barraqueira no BBB a troco de nada", completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos