Ex-CEO do Itaú fez doações de quase R$ 200 mil para campanhas do MDB e do PSDB

Ex-presidente do Itaú doou quase R$ 200 mil para as campanhas do MDB e PSDB. Foto: REUTERS/Paulo Whitaker.
Ex-presidente do Itaú doou quase R$ 200 mil para as campanhas do MDB e PSDB. Foto: REUTERS/Paulo Whitaker.
  • Ex-presidente do Itaú Unibanco fez doações de quase R$ 200 mil para as campanhas do MDB e do PSDB;

  • Irmã do ex-CEO fez doações de R$ 220 mil para a Rede.

  • Candido Bracher presidiu o Itaú de abril e 2017 até fevereiro de 2021;

Candido Bracher, ex-presidente do Itaú Unibanco, fez doações de quase R$ 200 mil para as campanhas dos partidos MDB e PSDB, segundo a coluna do Guilherme Amado, do portal Metrópoles.

O ex-executivo do setor financeiro realizou duas doações para os tucanos. Uma das doações foi feita no dia 1° de junho, enquanto a segunda aconteceu em 4 de julho. Os depósitos somaram R$ 139.319.

Nas mesmas duas datas, o banqueiro fez mais duas doações de R$ 30 mil para o MDB. O partido lançará Simone Tabet como candidata à Presidência. O PSDB deve indicar Tasso Jereissati como vice na chapa de Tebet.

Leia também:

Bracher presidiu o Itaú de abril e 2017 até fevereiro de 2021. Atualmente, o banqueiro faz parte do Conselho de Administração da instituição financeira.

Sua irmã, Beatriz Sawaya Botelho Bracher, também fez uma alta doação, de R$ 220 mil, para o partido Rede.

O dinheiro foi transferido por meio de três parcelas pagas no começo de 2022. O valor representa 67% de todo o dinheiro arrecadado pela sigla até o momento. Federada ao PSol, a Rede apoia a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência.

*Com informações do Metrópoles.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos