Ex-cunhada de Carla Zambelli é uma das golpistas identificadas nos atos terroristas de Brasília

Ex-namorada do deputado estadual eleito por São Paulo, Bruno Zambelli (PL), Daniela de Oliveira Manzoni foi identificada entre os golpistas que participaram dos atos terroristas em Brasília que culminaram na depredação das sedes dos Três Poderes no domingo (8). No Instagram, ela compartilhou registros e fez uma live na área interna do Congresso Nacional. Posteriormente, Manzoni apagou suas contas, mas perfis do Twitter resgataram as imagens.

Leia: Ex-candidato a vereador líder da extrema direita é alvo de operação no RJ por financiar atos terroristas

Identificados: Lista de envolvidos com atos terroristas em Brasília tem pelo menos 15 militares

A advogada de Mogi Guaçu é sócia da Construvenda, uma empresa de construção. Em dezembro do ano passado, ela terminou o namoro com o irmão da deputada federal Carla Zambelli (PL). Bruno foi eleito deputado estadual em outubro com mais de 235 mil votos.

O GLOBO procurou o deputado Bruno Zambelli e aguarda posicionamento. A assessoria da deputada federal Carla Zambelli disse que a parlamentar não irá se pronunciar sobre o tema.