Ex-esposa de Jô Soares conta como foram os últimos momentos do humorista

Jô Soares morreu aos 84 anos (Foto: Ramón Vasconcelos/Globo)
Jô Soares morreu aos 84 anos (Foto: Ramón Vasconcelos/Globo)

Jô Soares morreu em agosto, aos 84 anos, e recebeu inúmeras homenagens de anônimos e famosos. A pedido dele, a causa da morte não foi revelada. Flavia Pedras Soares, que foi casada com o dramaturgo por 15 anos e seguiu como uma de suas amigas íntimas, contou pela primeira vez como foram os últimos momentos ao lado dele.

"Foram um deslumbramento. O estado de afiada consciência e a inesperada completa perda do medo de morrer foram de uma beleza sem fim. Agora, por exemplo, estou aos prantos ao me lembrar das nossas últimas horas", desabafou em entrevista à Patrícia Kogut.

Segundo ela, que ficou com parte da herança do humorista, o dinheiro realmente foi dividido com empregados do jornalista. O funcionário que trabalhava há menos tempo para Jô tinha a carteira assinada há 20 anos. Era uma verdadeira família.

Uma das preocupações do humorista envolvia política e o futuro do Brasil. A ascensão da extrema-direita, segundo Flavia, o deixava desnorteado.

"Ele estava desesperado. Desiludido. Gostaria que ele tivesse podido ver a luzinha que agora se acende no fim do túnel. Teria ficado muito esperançoso. Queria que tivesse tido essa chance", diz ela, após a vitória de Lula (PT).