Ex-jogador da base do Fluminense aciona a Justiça cobrando atrasados

David Nascimento
Euller com a camisa do Fluminense (Foto: Bruno Haddad / Divulgação FFC)


Ex-jogador da base do Fluminense, Euller acionou o clube no Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1) cobrando o valor de R$ 121.015,44. Na última sexta-feira, o jogador entrou na Justiça para que o Tricolor pague os valores atrasados. O clube ainda não foi notificado e terá o período necessário para que se defenda nos autos do processo.

De acordo com o pedido de Euller, há a cobrança de salário, indenização de dobra com terço constitucional, décimo terceiro com proporcional, férias proporcionais, recolhimento de FGTS, gratificações e multas. O processo foi distribuído para a 75ª Vara do Trabalho do Rio do TRT-1, da juíza titular Cissa de Almeida Biasoli, que ainda não se manifestou. A primeira audiência entre as partes na Justiça foi marcada para o dia 25 de março deste ano.

Natural de Cuiabá, no Mato Grosso, Euller, hoje com 24 anos, foi emprestado algumas vezes pelo Fluminense durante a formação nas categorias de base. Ele já defendeu equipes como o STK Samorin, da Eslováquia, o FC Lahti, da Finlândia, e outros times brasileiros como o Batatais, o Volta Redonda e o Londrina.