Ex-miss russa é presa por suspeita de tráfico de drogas

A russa Kristina Dukhina, de 34 anos, foi presa, nesta última sexta-feira, por suspeita de envolvimento em tráfico de drogas pela polícia do país. Dukhina, que é dona de uma agência de modelos, estava próxima de seu apartamento em Moscou quando foi detida.

Entenda: Cientistas afirmam que tsunami em Tonga foi causado por 'ondas de gravidade acústica'

Mistério no caso da ex-princesa do Catar: pode ser 'impossível' determinar circunstâncias da morte

Vídeos: Indiano surdo e mudo de 11 anos cai em buraco de 24 metros e fica quatro dias preso com escorpiões e cobras

Se for condenada, ela pode ficar até 20 anos presa.

Dukhina disputou o concurso de beleza Miss Dubai, em 2019, quando foi a segunda colocada. No ano seguinte, ela venceu o equivalente russo da disputa, o Grand Prix Miss Federação.

Ela também é dona de uma agência de modelos, chamada de BleakSeas Models, na Crimeia, território ucraniano que foi anexado pelo governo de Vladimir Putin em 2014.

No momento da prisão, segundo a polícia russa, Kristina Dukhina estava em posse de meio quilo de mefradona, substância usada na confecção de drogas. A substância estava espalhada em cinco bolsas que a modelo levava consigo. De acordo com o jornal russo Kommersant, uma busca em seu apartamento encontrou outros 12 sacos com mais meio quilo da droga.

Ela continuará presa enquanto as investigações sobre seu caso avançam.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos