Ex-prefeito interino de Mangaratiba é preso por irregularidades no pagamento de servidores e vereadores

·1 minuto de leitura

Vitor Tenório Santos, ex-presidente da câmara e ex-prefeito interino de Mangaratiba, foi preso na noite deste sábado na Lagoa, na Zona Sul do Rio, por irregularidades no pagamento de diárias e pacotes de viagens de servidores e vereadores do município da Costa Verde. De acordo com a Polícia Civill, estima-se que as irregularidades causaram dano erário de R$ 17 milhões.

Tenório, de 42 anos, estava foragido da Justiça desde 2018. Na noite deste sábado, ele foi preso por policiais da GIC (Grupo de Investigação) da 40ª DP (Honório Gurgel) quando chegava em seu carro no bairro nobre do Rio. O mandado de prisão preventiva de Tenório foi expedido pelo Juízo da 2º Grupo de Câmaras Criminais do Rio de Janeiro.

Após o encarramento das formalidades legais da prisão, o ex-presidente da câmara de Mangaratiba foi encaminhado para o sistema prisional, onde permanecerá à disposição da Justiça.