Homem detido diante do Parlamento britânico é suspeito de planejar atentado

Londres, 27 abr (EFE).- O homem detido nesta quinta-feira perto do Parlamento britânico é suspeito de ter planejado um ataque terrorista, informou a polícia metropolitana de Londres.

O jovem foi detido por posse de armas e sob suspeita de "comissão, preparação e instigação de atos terroristas", apontou em um comunicado a Scotland Yard, que informou que o detido portava várias facas.

A polícia abordou o homem às 14h22 local (10h22, em Brasília), como "parte de uma operação em curso" em um dos extremos da avenida Whitehall, que liga a praça do Parlamento com a de Trafalgar Square.

A Scotland Yard disse que "não existe um risco imediato conhecido" relacionado ao incidente, nem há registros de feridos no fato, embora tenha afirmado que agentes da unidade antiterrorista do corpo "continuam com a investigação".

A detenção ocorreu perto do local onde em 22 de março cinco pessoas morreram em um ataque terrorista no qual um homem atropelou com seu veículo os pedestres na ponte de Westminster e esfaqueou depois um dos policiais que faziam a segurança no Parlamento.

Esse atentado levou a aumentar a segurança e o número de patrulhas armadas nas imediações do palácio de Westminster, sede das câmaras parlamentares britânicas. EFE