Ex-vice-prefeita de Paulínia morre de Covid-19 dois dias após o filho de 25 anos

Gabriel Melloni
·1 minuto de leitura
Vanda e o filho foram vítimas da Covid-19 - Foto: Divulgação/Prefeitura de Paulínia
Vanda e o filho foram vítimas da Covid-19 - Foto: Divulgação/Prefeitura de Paulínia
  • Vanda Maria Camargo foi mais uma vítima da Covid-19 no último sábado

  • Ela morreu apenas dois dias depois do filho, de 25 anos

  • O marido de Vanda também contraiu o vírus e continua internado em estado grave

Ex-vice-prefeita de Paulínia, no interior de São Paulo, Vanda Maria Camargo morreu na madrugada de sábado, vítima de Covid-19, apenas dois dias depois de o vírus levar também seu filho, Vinícius Camargo, de 25 anos.

Leia também:

A morte de Vanda foi confirmada pela prefeitura da cidade, em nota de pesar. A mulher de 61 anos estava internada desde o último dia 21 no Hospital Municipal, com sintomas da doença.

A prefeitura informou, ainda, que o marido de Vanda também está internado. Assim como a esposa e o filho, Belo também contraiu o vírus, segue no Hospital Municipal e o estado é considerado grave.

Vanda foi homenageada pela prefeitura de Paulínia - Foto: Divulgação/Prefeitura de Paulínia
Vanda foi homenageada pela prefeitura de Paulínia - Foto: Divulgação/Prefeitura de Paulínia

Ex-vice-prefeita não soube da morte do filho

Vanda sequer foi informada da morte de Vinícius. O rapaz precisou ser intubado para controlar a respiração, não teve evolução positiva e faleceu na quinta-feira, horas depois de sua mãe dar entrada na UTI, também com uma piora de seu quadro.

Vanda foi vice-prefeita em Paulínia nos anos de 2013, 2015 e 2016. Também em 2016, se candidatou a vereadora pela cidade, mas recebeu apenas 103 votos e não conseguiu se eleger.