Suspeito de atentado contra ônibus do Borussia Dortmund é preso

Berlim, 21 abr (EFE).- Um homem foi preso, suspeito de realizar o atentado contra o ônibus da delegação do Borussia Dortmund, informou nesta sexta-feira a Promotoria Federal da Alemanha, afirmando que, aparentemente, ele agiu por motivos econômicos.

Segundo o comunicado, o suspeito, identificado como Sergej W., de 28 anos, adquiriu no dia 11 de abril, o mesmo do atentado, cerca de 15 mil opções ou direitos de venda de ações do Dortmund, com um prazo de vencimento até o dia 17 de junho de 2017. Ele pagou com um empréstimo que tinha feito uma semana antes.

De acordo com a promotoria, com o ataque contra o ônibus, o suspeito pretendia atingir uma considerável queda das ações e assim lucrar com a venda dos títulos ao preço estabelecido previamente quando adquiriu os direitos de venda dos mesmos. EFE