Execuções são retomadas nos Estados Unidos após interrupção por coronavírus

(2014) Walter Barton, 64, foi condenado à morte pelo assassinato de uma octogenária em 1991

As execuções serão retomadas na noite desta terça-feira nos Estados Unidos, com uma injeção letal no estado de Missouri, após dois meses e meio de interrupção por causa do novo coronavírus.

Walter Barton, 64, foi condenado à morte pelo assassinato de uma octogenária em 1991, crime que nega ter cometido. Sua execução será realizada no presídio de Bonne Terre, conforme programado.

Devido à pandemia de Covid-19, as execuções foram interrompidas nos Estados Unidos em 5 de março. Segundo o governador de Ohio, vários tribunais do Texas e Tennesse decidiram o mesmo, alegando, principalmente, que a realização das mesmas reúne muitas pessoas, como guardas, advogados, testemunhas e familiares.