Exemplar raro da primeira edição de Harry Potter vai a leilão por R$ 1,1 milhão

varinha
Harry Potter e a Pedra Filosofal é o primeiro da saga do bruxo mais famoso do mundo

(Getty Images)

  • Exemplar do primeiro livro de Harry Potter vai a leilão em Londres por preço mínimo de R$ 1,1 milhão;

  • Obra conta com alguns erros de ortografia e está autografada pela autora da saga, J. K. Rowling;

  • Publicação foi impressa em 1997, época em que os livros eram pouco conhecidos pelo público.

Um exemplar raro da primeira edição do livro ‘Harry Potter e a Pedra Filosofal’ vai a leilão em Londres pelo preço inicial de 200 mil libras, cerca de R$ 1,1 milhão na cotação atual. A obra conta com alguns erros e está autografada pela autora J.K. Rowling.

"Na contracapa, por exemplo, filosofal, que é uma palavra-chave... está escrito errado 'filosfal', o segundo 'o' está faltando. Também na página 53, na lista de itens que os alunos são convidados a levar para Hogwarts com eles, 'uma varinha' é repetido duas vezes", explica Mark Wiltshire, especialista em livros impressos e co-curador da exposição "A Arte da Literatura", da Christie's, em entrevista à agência de notícias Reuters.

Em 1997, 500 cópias da publicação foram impressas em capa dura, sendo que 300 foram para bibliotecas. O exemplar nas mãos da Christie’s, casa de leilões responsável pelo evento, faz parte das 200 restantes.

Na época, Rowling ainda era desconhecida pelo público, sendo que seus livros só viriam a ser sucesso mundial posteriormente. Ainda assim, Wiltshire explica que as publicações iniciais têm um apelo grande para os fãs do mundo de magia e bruxaria de Harry Potter.

"Em muitos aspectos, este livro é a manifestação física de uma memória mágica para tantas pessoas, e é isso que o torna tão desejável", disse conclui. As informações são da agência Reuters.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos