Explosão em hotel de luxo em Cuba deixa ao menos 4 mortos e 19 feridos

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS) - Uma explosão atingiu o Hotel Saratoga, estabelecimento de luxo em Havana, capital de Cuba, na manhã de hoje, deixando pelo menos quatro mortos, 19 feridos e 13 pessoas desaparecidas, de acordo com representantes do presidente do país, Miguel Díaz-Canel, em comunicados publicados nas redes sociais.

A autoridade fez um pronunciamento pouco após o incidente informando que a principal hipótese é de que um vazamento de gás causou a "forte explosão".

O estabelecimento, construído em 1880 para abrigar armazéns, funciona como hospedaria desde 1933.

Imagens feitas por testemunhas mostram um rastro de destruição no centro da cidade. A fachada do edifício, que estava em obras, ficou completamente destruída.

A explosão foi registrada pouco depois das 11h no horário local (12h em Brasília), gerando uma nuvem de fumaça e pó que cobriu a avenida Prado, a principal do centro da capital cubana, onde fica o hotel.

Os primeiros quatro andares ficaram praticamente destruídos e cercados por montanhas de escombros e pedaços de vidro.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos