Explosão enorme atinge mesquita de Cabul e deixa vítimas

Avião do Taliban sobrevoa Cabul

CABUL (Reuters) - Uma enorme explosão atingiu uma mesquita em Cabul durante as orações da noite nesta quarta-feira, deixando muitos mortos e feridos, disseram testemunhas e a polícia

A polícia disse que houve várias vítimas, mas não informou quantas. Um funcionário de inteligência do Taliban disse à Reuters que até 35 pessoas podem ter sido feridas ou mortas, e o número pode aumentar ainda mais. Segundo um funcionário não identificado, citado pela rede Al Jazeera, o incidente deixou 20 mortos.

O Hospital de Emergência de Cabul anunciou no Twitter que recebeu 27 pacientes feridos na explosão, incluindo uma criança de sete anos.

Testemunhas disseram à Reuters que a forte explosão foi ouvida em um bairro do norte de Cabul, e quebrou janelas em prédios próximos. Ambulâncias correram para o local.

"Uma explosão aconteceu dentro de uma mesquita... a explosão tem vítimas, mas os números ainda não estão claros", disse o porta-voz da polícia de Cabul, Khalid Zadran, à Reuters.

O oficial de Inteligência do Taliban, falando sob condição de anonimato, disse que a explosão ocorreu em uma mesquita entre fiéis na área de Khair Khana, em Cabul.

O imã da mesquita estava entre os mortos e o número ainda pode aumentar, acrescentou a fonte. Equipes de inteligência estavam no local da explosão e as investigações estavam em andamento.

Outras autoridades do governo do Taliban não responderam a vários pedidos para confirmar o número de vítimas.

(Reportagem de Mohammad Yunus Yawar e Sayed Hassib, em Cabul)