CPTM: Mega explosão em subestação 'trava' transporte público e gera caos em SP

Explosão em subestação gera transtornos na CPTM na manhã desta terça-feira (20) em SP - Foto: Reprodução/Redes Sociais
Explosão em subestação gera transtornos na CPTM na manhã desta terça-feira (20) em SP - Foto: Reprodução/Redes Sociais

Uma explosão decorrente de um curto-circuito na subestação de energia Tietê, que abastece as estações Palmeiras-Barra Funda e Piqueri, da Linha 7 – Rubi, está causando transtorno no transporte público de São Paulo, nesta terça-feira (20).

Por conta da falha de energia, o Serviço 710 está suspenso, visto que os trens da Linha 10-Turquesa circulam até a Estação Brás e os trens da Linha 7-Rubi chegam até Palmeiras-Barra Funda.

Segundo a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), o problema é consequência de um curto-circuito na subestação de energia Tietê, que abastece o trecho.

Usuários do transporte público, pelas redes sociais, relatam os transtornos com estações fechadas e plataformas lotadas.

Em uma postagem, uma usuária reclama de ter chegado atrasada no trabalho por conta do transporte público.

Uma outra usuária, diz estar doente e no mesmo dia a linha 7 não está funcionando.

Para tentar diminuir o caos causado pela suspensão do Serviço 710, o passageiro na Estação Brás pode utilizar a Linha 3-Vermelha para seguir até a Estação Palmeiras-Barra Funda, e vice-versa.

A CPTM afirmou em nota que técnicos da companhia estão trabalhando no isolamento da subestação para alimentar o trecho interrompido pelas outras subestações da linha. Esclareceu ainda que, devido ao curto, o isolamento está sendo feito manualmente e não de forma imediata, como deveria ter ocorrido.

A empresa disse que as causas do ocorrido serão investigadas e que o foco neste momento é retomar a operação.