Fórmula 1: Equipes se dizem chocadas com acordo sigiloso entre Ferrari e FIA

Sete escuderias da Fórmula 1 divulgaram nesta quarta-feira um comunicado pedindo explicações em relação à confidencialidade do acordo feito entre Federação Internacional do Automóvel (FIA) e Ferrari na investigação sobre o motor da equipe. McLaren, Mercedes, Racing Point, Red Bull, Renault, Alpha Tauri e Williams divulgaram uma nota em conjunto repudiando o caso.

"Nós ficamos surpresas e chocadas com a declaração da FIA na sexta-feira, 28 de fevereiro, relacionada à conclusão de sua investigação na Ferrari, escuderia da Fórmula 1. Um órgão regulador esportivo internacional tem a responsabilidade de agir com os mais altos padrões de governança, integridade e transparência. Após meses de investigações realizadas pela FIA solicitadas por outras equipes, nos opomos fortemente ao acordo confidencial da FIA com a Ferrari para concluir esse assunto", diz o comunicado.

Em 2019, boa parte das equipes da F1 expressaram suspeitas sobre os propulsores usados pela Ferrari na segunda metade da temporada. Na semana passada, a FIA anunciou que fez um acordo com a Ferrari após "uma investigação técnica" sobre o "funcionamento do motor" da escuderia italiana e manteve os detalhes em segredo.

Técnicos da entidade apreenderam um motor da empresa italiana e investigaram seu funcionamento. A suspeita era de que houvesse algumas irregularidades no sistema de medição de gasolina. A FIA, no entanto, não esclareceu se encontraram ou não alguma irregularidade.

Confira a íntegra do comunicado:

"Nós, as equipes listadas abaixo, ficamos surpresas e chocadas com a declaração da FIA na sexta-feira, 28 de fevereiro, relacionada à conclusão de sua investigação na Ferrari, escuderia de Fórmula 1. Um órgão regulador esportivo internacional tem a responsabilidade de agir com os mais altos padrões de governança, integridade e transparência. Após meses de investigações realizadas pela FIA solicitadas por outras equipes, nos opomos fortemente ao acordo confidencial da FIA com a Ferrari para concluir esse assunto.

Portanto, declaramos publicamente nosso compromisso compartilhado de buscar a divulgação completa e adequada sobre este assunto, para garantir que nosso esporte trate todos os concorrentes de maneira justa e igual. Fazemos isso em nome dos fãs, participantes e partes interessadas da Fórmula 1.

Além disso, reservamos nossos direitos de buscar reparação legal, dentro do devido processo da FIA e perante os tribunais competentes.

McLaren Racing Limited

Mercedes-Benz Grand Prix Limited

Racing Point UK Limited

Red Bull Racing Limited

Renault Sport Racing Limited

Scuderia Alpha Tauri S.p.A.

Williams Grand Prix Engineering Limited"