Facebook lucra US$ 11,22 bilhões no quarto trimestre; número de usuários sobe 12%

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O Facebook anunciou nesta quarta-feira (27) resultados trimestrais acima das estimativas dos analistas para a receita, com impulso do aumento nos gastos com publicidade das empresas durante a temporada de compras de Natal. Os resultados validam a investida da empresa no e-commerce com o Instagram Shopping e o Facebook Marketplace, que acelerou no ano passado sob impulso dos impactos da pandemia. A empresa lançou uma série de novos produtos de comércio eletrônico, como Facebook Pay e Facebook Shops, que permitem compras em todo o pacote de aplicativos da empresa, incluindo Instagram e WhatsApp. Os usuários ativos mensais subiram 12%, para 2,8 bilhões, acima dos 2,75 bilhões esperados pelos analistas. A receita total, que inclui principalmente a receita de publicidade, subiu para US$ 28,07 bilhões o quarto trimestre, contra US$ 21,08 bilhões um ano antes. Analistas estimavam, em média, uma receita trimestral de US$ 26,44 bilhões, de acordo com dados da Refinitiv. O lucro líquido ficou em US$ 11,22 bilhões, ou US$ 3,88 dólares por ação, ante US$ 7,35 bilhões, ou US$ 2,56 por ação, um ano antes.