Falam que o Bernardinho me bate, diz Fernanda Venturini

Fernanda Venturini falou sobre sua relação com Bernardinho. Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press

A ex-jogadora de vôlei Fernanda Venturini concedeu uma longa entrevista ao UOL Esporte em que abordou diversos assuntos. Entre os temas abordados, está a relação com o marido Bernardinho. Os dois começaram a se relacionar quando ele era treinador e ela jogadora da seleção brasileira.

O jeito enérgico de Bernardinho com as comandadas sempre chamou a atenção. Era comum vê-lo gritar com as jogadoras. Esse jeito fez com que muitas pessoas imaginassem um relacionamento turbulento de Venturini com seu técnico.

Mas Fernanda negou que tenha qualquer problema com o marido.

"Todo mundo fala: 'Nossa!' Lembra a época que ele berrava, brigava? Falavam: 'Apanha em casa!' Achavam que eu apanhava em casa. Era punk. E quem convive com ele em casa vê: é um lorde. Não tem problema nenhum, super calmo. Muito tranquilo, muito, muito"

Ao contrário, Fernanda contou ao UOL que é ela que toma as decisões sobre o cotidiano da família. E diz que, ocupado com o vôlei, ele opina em muito poucas coisas.

"Ele não dá palpite em nada. Eu posso fazer o que quiser. Já fiz três obras e a única coisa que ele queria era um chuveiro com pressão. Eu marco as viagens, ele nunca pagou uma conta de luz, de água, ele não sabe quanto custa. Agora tem que renovar os seguros do carro, eu que vou ver. Tudo eu que faço e eu organizo. Eu gosto. É uma pessoa superfácil de lidar. Tudo está bom, não reclama de nada. Ele compra roupa quase nunca, não compra nada, não gasta dinheiro. Ele tem que ser estudado", revelou Fernanda Venturini.

Mais no Yahoo Esportes:

Bruno Henrique, do Fla, quer chegar à Seleção|

Corinthians contrata lateral da Ponte Preta

Pai de Neymar é recebido por Guedes e Bolsonaro

Brasil brilha na Champions com ‘coadjuvantes’