Linha 1-Azul: Falha elétrica no metrô de SP afeta circulação e gera caos nas estações

Falha na Linha1-Azul: Passageiros lotam área externa de estação para entrar em ônibus da operação Paese - Foto: Reprodução/TV Globo
Falha na Linha1-Azul: Passageiros lotam área externa de estação para entrar em ônibus da operação Paese - Foto: Reprodução/TV Globo

A circulação de trens da Linha 1-Azul do Metrô esteve afetada na manhã desta sexta-feira (18), após uma falha de alimentação elétrica no trecho entre as estações Luz e Tucuruvi.

O trecho entre as estações ficou paralisado por quase duas horas, lotando estações e complicando a vida dos usuários do transporte público em pleno horário de pico.

Por volta das 6h40, a operação foi retomada, mas a circulação ainda segue com velocidade reduzida.

Para tentar suprimir a demanda, a operação Paese foi acionada e colocou 80 ônibus nas ruas, no entanto, não foi suficiente.

Na tentativa de pegar o transporte, inúmeros usuários que estavam na Estação da Luz ocuparam trecho da Avenida Tiradentes à espera dos veículos da operação. A situação era a mesma na estação Tucuruvi.

Antônio Marcio Barros Silva, gerente de Operações do Metrô, em entrevista ao Bom Dia SP, disse que o problema aconteceu logo no início da operação, ao energizar as linhas.

"Nós energizamos para poder posicionar os trens e iniciar a operação. O que aconteceu? Ao tentar energizar, por algum defeito elétrico, nós não conseguimos energizar a linha inteira. Só para entender: elas são divididas em quatro setores, e esses quatro setores não aceitaram comando remoto via centro de controle para fazer essa energização".

O gerente de Operações também comentou sobre os entraves nos trabalhos de prevenção para evitar transtornos dessa grandeza.

"Nós temos trabalhado hoje na prevenção, investindo na parte de monitoramento de todos os nossos sistemas para a gente tentar se antever às falhas, nós temos também de entender que nós temos equipamentos com mais de 40 anos. Nós precisamos fazer uma modificação neles para poder receber as informações de forma remota também".

Os ônibus da operação Paese também foram acionados para a CPTM, abrindo as transferências gratuitas nas estações Corinthians-Itaquera, Tatuapé e Brás.

Estão sendo emitidas mensagens sonoras nas linhas operadas pelo Metrô, na CPTM e nas linhas 4-Amarela e 5-Lilás, operadas pelas concessionárias ViaQuatro e ViaMobilidade.

Por conta desta falha na Linha 1-Azul, os trens das linhas 2-Verde e 3-Vermelha também circularam com restrição de velocidade e maior intervalo.