Falha mecânica pode ter provocado queda de ônibus em MG

Colaboradores Yahoo Notícias
·2 minuto de leitura
Ônibus caiu de altura de 15 metros (Foto: Reprodução)

O Corpo de Bombeiros suspeita que uma falha mecânica nos freios provocou a queda de um ônibus em viaduto na BR-381, entre as cidades de João Monlevade e Nova Era, no interior de Minas Gerais. O acidente teve ao menos 18 mortos e 27 feridos.

“Quando estava passando pela ponte, no sentido Belo Horizonte da pista, perdeu o controle do veículo após suposta falha mecânica no freio, chocando seu retrovisor com um caminhão que estava no local”, afirmou a corporação ao portal UOL.

Leia também

“Nesse momento, o condutor gritou que havia perdido os freios e o ônibus começou a voltar de ré, descontrolado, batendo na proteção lateral da ponte. Nesse momento, 6 pessoas conseguiram pular do ônibus antes que ele caísse, incluindo o motorista, que ainda não foi localizado”, acrescentou.

Segundo uma das sobreviventes, o motorista abandonou a direção antes do acidente. “Qual era a dele? Ter controlado o carro, mas ele soltou e pulou. Aí o ônibus saiu descendo e caiu na ponte”, afirmou a cuidadora de idosos Eliane Cavalcante Guerra, de 55 anos.

“O motorista estava em alta velocidade e, de repente, ele diminuiu a velocidade e começou a desviar dos outros veículos. Vi que ele entrou na contramão desviando dos carros. Antes de chegar na ponte, ele bateu no retrovisor de um caminhão, e isso amorteceu um pouco a velocidade. Mas quando chegou ao meio da ponte, ele diminuiu a velocidade. Eu abri a porta e pulei. Antes da queda pularam umas oito pessoas, eu fui a segunda a pular”, disse.

O ônibus fazia o trajeto de Mata Grande (AL) a São Paulo. As vítimas foram levadas ao Hospital Margarida, em João Monlevade. De acordo com o Corpo de Bombeiros, o ônibus seria de turismo e caiu de uma altura de aproximadamente 15 metros.

Segundo informações do G1, moradores viram o ônibus voltando de ré na ponte e, antes de cair, quatro pessoas pularam do veículo, entra elas, o motorista. Um caminhão também estaria envolvido no acidente.

A reportagem da BandNews FM esteve no local e identificou o nome da empresa responsável pelo ônibus: Localima turismo. A rádio ainda informou que a agência de turismo faz viagens entre São Paulo e estados do Nordeste. Apesar da placa de Alagoas, a sede da Localima fica no bairro do Brás, em São Paulo.

Em entrevista à GloboNews, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), se disse estarrecido e prestou solidariedade às famílias das vítimas. Zema ainda afirmou que disponibilizou todo o aparato do estado, incluindo ambulâncias e viaturas, para auxiliar no resgate dos envolvidos.