Família faz culto no aniversário de Tom Veiga hoje, e ex-desabafa: 'Ainda choro de saudade'

Extra
·1 minuto de leitura

Tom Veiga, o intérprete do Louro José, completaria 48 anos de vida neste sábado, 6 de fevereiro. A data vai ser lembrada em um culto na igreja que a filha Alissa, de 15 anos, frequenta em Orlando, nos EUA, e contará com a presença da ex-mulher, Alessandra Veiga, e Adrian, o filho mais velho do casal.

“Duas semanas antes do acontecido (da morte), a Alicia começou a frequentar um grupo jovem da igreja, e no sábado sempre tem um culto. Então, resolvemos fazer um culto em homenagem a ele. Espero que a palavra seja voltada a alguma coisa que tenha a ver com ele, com a nossa história, a nossa família”, diz Alessandra Veiga, acrescentando que chegou a ir nessa mesma igreja no sábado após a morte do ex-marido, levada por um casal de amigos.

Três meses após a perda de Tom, Alessandra diz que sofre com a saudade. Segundo ela, os dois estavam reatando o relacionamento e haviam combinado de se encontrarem para decidirem o futuro pouco tempo antes de tudo acontecer.

“Estou aprendendo a conviver com a falta dele ainda. Essa madrugada eu chorei. Ainda choro de saudade. Dá uma coisa no coração. Tenho um gatinho de 3 meses e acho que ele sente. Eu estava em pé na cozinha chorando, e ele ficou miando para mim. Acho que os bichinhos sentem essas coisas”, diz ela, que mantém ativo o Instagram que criou em homenagem a Tom, e onde posta várias fotos dele na intimidade, com a família e amigos.

Tom Veiga foi encontrado morto por amigos em seu apartamento, no Rio, no dia 1 de novembro, em consequência de um aneurisma cerebral que rompeu e provocou um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico.