Família de Bale sofreu ataque armado durante a Copa do Catar

A estrela galesa e sua esposa ficaram assustados depois que sua tia foi atacada por quatro homens armados durante a Copa do Mundo de 2022

Gareth Bale e sua esposa Emma Rhys-Jones ficaram bem assustados após a invasão da casa da tia dela. Foto: Nick Potts/PA Images via Getty Images
Gareth Bale e sua esposa Emma Rhys-Jones ficaram bem assustados após a invasão da casa da tia dela. Foto: Nick Potts/PA Images via Getty Images

A estrela do País de Gales Gareth Bale e sua esposa Emma Rhys-Jones ficaram em estado de choque depois que a casa de sua tia foi invadida por assaltantes armados durante a Copa do Mundo.

Bale estava no Catar jogando pelo País de Gales no torneio quando o ataque aconteceu no final de novembro. A tia de Emma e sua família ficaram 'abaladas' depois que quatro homens mascarados invadiram sua casa no norte do País de Gales armados com espingardas.

Leia também:

Segundo o The Sun, os assaltantes mascarados entraram na propriedade em busca de ouro, sendo que um deles exigiu: “Onde está o ouro? Queremos o ouro”. Após serem informados de que não havia nada na casa, a quadrilha fugiu do imóvel de mãos vazias.

Um porta-voz da polícia confirmou que “um homem de 28 anos da área de Barnsley foi preso sob suspeita de roubo”. Desde então, ele foi libertado sob fiança enquanto a polícia continua a caçar o restante das pessoas envolvidas na operação.

Após o incidente, a tia de Emma deixou temporariamente a propriedade. Uma fonte da família explicou: "Gareth e Emma estão chocados e realmente preocupados que uma arma tenha sido usada para fazer ameaças. Não sabemos por que a tia de Emma foi o alvo. Eles pareciam estar pedindo uma carga de ouro. Isso deixou a tia de Emma e sua família apavoradas".

Bale, que atualmente joga nos Estados Unidos pelo Los Angeles FC, time da MLS , atuou em todas as três partidas da Copa do Mundo do País de Gales, quando os Dragões encerraram uma ausência agonizante de 64 anos do cenário global.

Mas, infelizmente, Bale não conseguiu evitar que a equipe de Rob Page caísse fora do torneio prematuramente. Depois de conseguir um empate no fim do jogo contra os Estados Unidos em sua partida de estreia, graças a um pênalti de Bale, o País de Gales foi eliminado após sofrer derrotas consecutivas contra Inglaterra e Irã.