Família não vem ao Brasil e Abel pode ficar só até julho

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Abel tem contrato até dezembro de 2022 e estará no Mundial (Andre Penner/Getty Images)
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Uma boa e uma má notícia para o torcedor palmeirense em relação a Abel Ferreira. A boa: o português voltará ao Brasil em janeiro e seguirá no clube. A má: a renovação de contrato dificilmente sairá e o treinador cogita deixar o Allianz Parque na metade do ano.

Nova presidente alviverde, Leila Pereira ofereceu aumento salarial de 25% e extensão do vínculo até dezembro de 2024 - o atual termina no fim de 2022. Só que as conversas emperraram depois que a família de Abel decidiu não se mudar em definitivo para o Brasil.

Leia também:

O português, então, desistiu de se vincular ao Palmeiras por mais três temporadas com a convicção de que não será capaz de ficar tanto tempo longe da esposa e das duas filhas. 

Para piorar a situação do Verdão, o staff de Abel tem convicção de que ele será alvo de dois ou até dos três grandes clubes portugueses na metade do ano de 2022. 

Jorge Jesus certamente não fica no Benfica ao fim desta temporada. Sergio Conceição também parece de saída do Porto. Já Ruben Amorim, em excelente fase no Sporting, é um dos nomes cotados para o Manchester United, que tem Ralf Rangnick como treinador interino até junho.

Abel já recusou algumas propostas milionárias do mundo árabe. O bicampeão da Libertadores tem afirmado às pessoas mais próximas que não deixará o Verdão a menos que surja oferta boa de uma das cinco grandes ligas europeias ou de Portugal.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos