Fazendeiro suspeito de ajudar Lázaro vira réu

BRASÍLIA — O fazendeiro Elmi Caetano Evangelista, acusado de ajudar Lázaro Barbosa Soua, virou réu nesta quarta-feira. A decisão é da juíza Luciana Silveira, da Comarca de Cocalzinho de Goiás, que também negou um pedido de revogação da prisão preventiva de Evangelista.

A magistrada ainda arquivou o inquérito policial em relação ao caseiro Alain Reis Santana, que chegou a ser preso junto com o fazendeiro, que é seu chefe, mas foi solto após uma audiência de custódia.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos