Fazer da mobilidade partilhada um negócio

Vilhelm Hedberg é o fundador da 'ekar' a primeira e a maior empresa de mobilidade pessoal do Médio Oriente, com sede no Dubai, nos Emirados Árabes Unidos.

Vilhelm cresceu a observar o pai que foi, inicialmente, professor no MIT (Massachusetts Institute of Technology) e que mais tarde se tornou, ele próprio, um empresário. "Eu estava constantemente a ouvir o meu pai ao telefone, a falar com pessoas de todo o mundo a fazer negócios diferentes, e fiquei fascinado com isso", disse.

Vilhelm tinha várias ideias de negócios, mas escolheu primeiro aprender mais sobre como gerir um negócio, aceitando um emprego numa empresa de navegação norueguesa e mudando-se para o Dubai. Após alguns anos, fundou a própria empresa, a QMS Global, que mais tarde vendeu para começar a 'ekar'; "Eu queria ter um maior impacto social", afirmou à Euronews.

O empreendedor recebeu a ideia de um amigo, Ravi Bhusari, que lhe tinha falado da sua experiência de partilha de carros no Canadá. "Cada carro partilhado significa dez carros fora da estrada; reduz o tráfego, a necessidade de estacionamento e, claro, as emissões de dióxido de carbono", sublinha.

Vilhelm e a sua equipa lançaram o 'ekar' e o ajuste do produto ao mercado foi tão bem sucedido no Dubai que 'em 2019, o ekar foi o serviço de carros partilhados de flutuação livre mais utilizado do mundo'.

Hoje o 'ekar' opera em quatro países diferentes, e para além da partilha de carros, Vilhelm e a sua equipa estão a inscrever novos serviços sob a égide do 'ekar', que estão planeados para continuar a mudar a paisagem da auto mobilidade, em toda a região.

"A base de partida será sempre o Dubai. Na minha opinião, este é o coração da nova tecnologia que está a surgir", acrescentou Vilhelm .

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos