Fechamento de espaço aéreo europeu impede chanceler russo de entrar na Sérvia e irrita Moscou

O ministro russo da Relações Exteriores, Serguei Lavrov, tinha uma viagem de trabalho marcada nesta segunda-feira (6) para a Sérvia. Mas o fechamento do espaço aéreo em vários países europeus obrigou o chefe da diplomacia a anular a viagem. Moscou denunciou o que considerou um “ato hostil” e o chanceler qualificou o episódio de “escandaloso”.

A viagem teve que ser anulada em razão do fechamento do espaço aéreo da Bulgária, Macedônia do Norte e Montenegro, países que cercam o sul Sérvia e que fazem parte da Otan. "Esse tipo de ato hostil contra nosso país pode causar alguns problemas (...) mas não pode impedir que nossa diplomacia continue fazendo seu trabalho", declarou o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov.

Mais enfático, Lavrov disse que não recebeu nenhuma explicação dos três países europeus que fecharam seu espaço aéreo e que isso é algo “inconcebível”. “Privaram um Estado soberano de seu direito de exercer sua política externa”, afirmou. “Se uma visita do ministro russo das Relações Exteriores à Sérvia é considerada pelo Oeste como algo próximo de uma ameaça, então as coisas vão realmente muito mal no Oeste”, ironizou o chanceler.

O ministério búlgaro das Relações Exteriores indicou apenas que a autorização de sobrevoar seu território havia sido negada aos aviões russos em respeito ao "regime de sanções da União Europeia contra a Rússia". Macedônia do Norte e Montenegro enviaram mensagens similares às embaixadas russas.

Contratos para o fornecimento de gás

O ministro sérvio do Interior, Aleksandar Vulin, disse que sentia muito pela “obstrução” visando a visita de Lavrov. Ele lembrou que o chanceler russo é um “grande amigo” da Sérvia.

(Com informações da AFP)


Leia mais

Leia também:
Rússia volta a bombardear Kiev e faz nova advertência aos ocidentais
Quem está vencendo a guerra na Ucrânia: duelo de versões marca os 100 dias do conflito
Rússia reage a anúncio de envio de armas avançadas dos Estados Unidos à Ucrânia

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos