"Feijoada gourmet" de Chay Suede vira piada nas redes sociais: "Devastado"

·3 min de leitura

O que era para ser apenas uma "feijoadinha deliciosa" acabou virando piada na internet e o nome de Chay Suede foi parar entre os assuntos mais comentados de uma rede social no feriado. Ao publicar a foto de um prato de feijoada "desconstruída", como classificaram os internautas, choveram memes sobre a refeição inusitada.

A feijoada é do restaurante Maní, em São Paulo, que pertence à chef Helena Rizzo, jurada do "MasterChef Brasil". Feita através de um processo de esferificação, típico da gastronomia molecular, o que seria o feijão e as carnes é transformado em esferas, que são servidas acompanhadas de couve frita, laranja e farofa, típicos de uma feijoada tradicional.

Porém, após Chay publicar uma imagem do prato nos Stories de seu Instagram, a feijoada recebeu reclamações revoltadas de internautas, que compararam as bolinhas com chocolate, cereal matinal e até fezes de cabrito. "Estou devastado com a feijoada do Chay Suede", escreveu um internauta.

Outro foi mais além e protestou contra o prato: "'Feijoada' de boleta é a apropriação cultural e gastronômica mais vergonhosa que já vi. Era só colocar o nome do prato de 'bolas de feijão', 'feijão em bolotas', qualquer coisa menos 'feijoada'. Isso é maior esculacho com essa comida e sua história", protestou.

Porém, a maioria apenas se divertiu com o prato inusitado: "Essa feijoada é o novo meme do feijão no pote de sorvete. Se eu abro minha geladeira e acho isso, vou comer crente que é brigadeiro. A frustração que eu teria descobrindo que seria feijoada não cabe num outdoor", brincou mais uma.

E teve até quem convidasse o Chay para comer uma feijoada "de verdade". "Vou deixar da minha feijoada. Chay, só chegar em Nova Iguaçu, que te faço um pratinho acompanhado de uma farofinha deliciosa e couve cortada bem fininha". Confira as reações:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos