Felipe Neto volta atrás em cobrança a Neymar: "Não é meu papel"

Felipe Neto cobrou de Neymar um posicionamento(reprodução/instagram @felipeneto)

Felipe Neto se arrependeu de ter incitado sua base de seguidores ao cobrar um posicionamento de Neymar aos atos racistas que ocorrem no Brasil e nos Estados Unidos. As ações desencadearam mais de uma semana de protestos violentos no país governado por Donald Trump.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no InstagramFacebook e Twitter, e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentários

“Apaguei o tweet sobre o silêncio do Neymar após mensagens de integrantes do movimento negro, mostrando que um branco não deve cobrar de um negro sobre pautas racistas. De fato, não é meu papel cobrar o Neymar sobre isso. Vou seguir tentando ajudar, aprendendo e corrigindo quando errar”, publicou em uma rede social.

Leia também

Felipe ainda fez uma ressalva à posição. “2) Isso não muda o fato de eu condenar o silêncio do jogador, que é, disparado, o maior influenciador digital brasileiro no mundo, mas que se silencia a respeito de quase todas as pautas humanitárias e sociais que assolam seu país de origem e se espalham pelo planeta”, pontuou.

O movimento inicial de Felipe, questionando a posição do jogador, levou o nome do jogador ser o mais citado no país entre os usuários com mais de 150 mil menções por minuto.