Fenerbahçe de Jorge Jesus e Arão não sai do zero na estreia da Champions

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

Nesta quarta-feira (20), pelo primeiro jogo da segunda fase preliminar da UEFA Champions League, Dínamo de Kiev-UCR e Fenerbahçe-TUR não sairam do 0 a 0, em jogo realizado no Estádio Miejski, em Lodz, na Polônia, uma vez que a equipe ucraniana nao pode jogar em casa por conta dos efeitos da guerra.

Com o resultado, a decisão vai para a segunda partida, em Istambul, na próxima quarta (27). Um novo empate leva a disputa por uma vaga na terceira fase preliminar da Champions, em que o vencedor terá de fazer mais dois jogos, e se vencer, irá para a quarta fase, para aí sim, caso saia vitorioso, chegar à fase de grupos da competição.

Foi o primeiro jogo de carater oficial do time treinado por Jorge Jesus na temporada, e desde o início, apostou em apenas dois dos reforços da equipe como titulares para o duelo: o volante brasileiro Willian Arão, seu velho conhecido de Flamengo, que foi a única nova contrataçao a atuar 90 minutos no confronto. O atacante norueguês Joshua King foi o único outro contratado a começar como titular, mas foi substituído por outro reforço: o brasileiro Lincoln, ex-Grêmio, que pouco fez no duelo.

O time turco teve mais chances ao longo do jogo, finalizou até mais que os ucranianos, apostando na sua força ofensiva, mas não aproveitou as oportunidades. Enquanto o Dínamo apostou em contra-ataques, mas esbarrava sempre na boa atuação defensiva dos zagueiros Szalai e do brasileiro Willian Arão, que teve atuação elogiada pela torcida dos Canários Amarelos, como são conhecidos os torcedores do Fener. Agora, o time de Jorge Jesus e Arão terá uma oportunidade de decidir em sua casa, a vaga para a próxima fase.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos