Festa da Música celebra 40 anos de vitalidade democratizando palcos na França e no mundo

O solstício de verão do 21 de junho não determina apenas a data oficial da temporada preferida de franceses e turistas, mas também o dia da "Festa da Música" ("Fête de la Musique", em francês). Criada em 1982 durante a icônica gestão de Jack Lang no Ministério da Cultura, o evento se consolidou no calendário cultural da França. Estima-se que mais de 180.000 concertos são organizados a cada ano no país e a festa se internacionalizou, exportada para mais de 120 países, nos cinco continentes.

Quem mora na França sabe que o dia 21 de junho é especial. Além de ser o dia mais longo do ano, é aquele momento único quando o vizinho carrancudo solta enfim o vozeirão na sacada da quitinete, ou quando a sobrinha de 20 anos resolve testar — na potência máxima — a capacidade daquelas novas caixas de som, parceladas em três vezes numa boa loja vintage de Paris. O começo do verão na terra de Asterix convida o cidadão e a cidadã comuns a ressuscitar o bardo ou a soprano que existe dentro de cada um de nós, e os amadores da música se autorizam, enfim, a cantar (e tocar) fora dos limites do chuveiro. Os casacos foram para o porão, e a onda de calor já exige vestuário mais leve, se possível com plumas e paetês. A "Festa da Música" é, afinal, o verdadeiro carnaval de rua francês.

Quarenta anos após sua criação, a "Fête de la Musique" não perdeu nada de seu espírito original na França. O evento continua sendo um festival popular, celebrado em cada pequeno vilarejo francês, e os grupos amadores continuam sendo os principais destaques. Nas grandes cidades, porém, os palcos com músicos profissionais se tornaram comuns, seja em uma atmosfera pop, rock, cabaré, erudita ou eletro, com repertório clássico ou contemporâneo.


Leia mais

Leia também:
França: Festa da Música celebra início do verão no hemisfério norte e fim do toque de recolher
Apesar de Covid-19, Festa da Música registra aglomerações e confrontos com a polícia na França
Festa da Música mostra a grande diversidade de músicos profissionais e amadores franceses

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos