Fiesp cria conselho feminino com Luiza Brunet e presidente da P&G

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 04.11.2019: A ex-modelo e empresária Luiz Brunet durante evento em São Paulo. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 04.11.2019: A ex-modelo e empresária Luiz Brunet durante evento em São Paulo. (Foto: Mathilde Missioneiro/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Fiesp acaba de criar um conselho superior feminino formado por empresárias como a hoteleira Chieko Aoki e Cristiana Arcangeli, que foi jurada do reality show de empreendedorismo Shark Tank.

Também há nomes como a médica Albertina Duarte, que coordenou as políticas para mulheres no estado de São Paulo, e a modelo Luiza Brunet, que abraçou a causa do combate à violência doméstica depois de acusar o ex-companheiro, o empresário Lírio Parisotto, de agredi-la em 2016.

Com 43 mulheres, o conselho será presidido por Marta Livia Suplicy, do movimento Virada Feminina, e tem como vice Juliana Duarte, presidente da Procter & Gamble no Brasil.

Luiza Eluf, Sonia Hess, Ana Paula Bogus e Margareth Goldenberg também participam.

A primeira reunião está marcada para sexta-feira (17).

Com o feminino, a Fiesp passa a ter 15 conselhos que se reúnem mensalmente para tratar de temas setoriais.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos