FIJ considera que compra do Twitter por Musk ameaça liberdade de imprensa

A Federação Internacional de Jornalistas (FIJ), a maior entidade do jornalismo no mundo, considerou nesta terça-feira (26) que a compra do Twitter por parte do bilionário Elon Musk representa uma ameaça à liberdade de imprensa.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos