Filas e dúvidas marcam primeiro dia de pagamento do Auxílio Brasil

·2 min de leitura
Bank agency of the federal savings bank in the city of brasilia, federal district. Also known as CAIXA.  It is a Brazilian federal public company.Brasilia, Federal District - Brazil. January, 10, 2021.
Auxílio pode ser sacado em agências da Caixa. Foto: Getty Images.
  • Nesta quarta valores são liberados para beneficiários com NIS com final 1

  • No Recife, pessoas venderam lugar na fila

  • Em diversas capitais pessoas viraram a noite na fila

Nesta quarta-feira (17) ocorre o primeiro dia de pagamento do novo Bolsa Família, o Auxílio Brasil. Em várias cidades, houve filas nas agências da Caixa Econômica Federal, incluindo nas capitais Recife e Rio de Janeiro.

Hoje, o pagamento do Auxílio Brasil será para beneficiários com o número de inscrição social (NIS) com final 1. Quem tem NIS terminado em outros dígitos receberá ao longo dos próximos dias.

Além disso, pessoas nascidas em outubro que estão fora do Bolsa Família poderão sacar a última parcela do auxílio emergencial. Os pagamentos desse auxílio terminaram no dia 31 de outubro, mas os saques foram feitos agora em novembro.

No Recife, muitas das pessoas que foram sacar a última parcela do auxílio emergencial afirmaram que ainda não sabem se terão direito ao novo benefício.

Também na capital pernambucana, houve relatos de pessoas que venderam seu lugar na fila, em Casa Amarela, na Zona Norte da capital, com valores entre R$ 10 e R$ 30. Havia cocos e pedras ao redor da agência que seriam para marcar as posições a serem vendidas.

Fortaleza também amanheceu com longas filas nas agências da Caixa Econômica, já que as pessoas chegaram ao local de madrugada para garantir um lugar na fila, que chegou a dobrar o quarteirão.

A 245 quilômetros da capital, em Sobral, muitas pessoas ainda tinham dúvidas sobre o benefício, se estão dentro do perfil para receber o auxílio. Na Caixa Econômica no Centro da cidade, as fichas começaram a ser entregues ainda pela madrugada.

Enquanto isso, no Rio de Janeiro há muitas pessoas que estão tentando atualizar ou fazer o Cadastro Único, que é necessário para poder receber o Auxílio Brasil. A prefeitura informou que quase metade dos cariocas inscritos em programas sociais do governo precisa atualizar o cadastro.

Às 6h, no bairro de Santa Cruz, na Zona Oeste, por exemplo, a fila no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) dobrava o quarteirão. Os primeiros chegaram às 20h de ontem, terça-feira (16), e passaram a madrugada em claro e ao relento, incluindo pessoas com criança de colo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos